quarta-feira, 10 de julho de 2013

FANTASIA TALVEZ

 FANTASIA TALVEZ

És a minha fantasia e o meu desejo
És a saudade que dói no meu peito
És um sonho que sinto muitas vezes fugir
És esta dor que não cala e este silencio que fala
.............Quero saber que existes
Quero ouvir as tuas palavras luminosas
Quero lembrar-me sempre dos nossos momentos
Quero nunca esquecer que quero-te muito
Quero jamais esquecer as madrugadas de sonho
Quero-te permanentemente no meu pensamento
E vivas eternamente no meu coração
Para que cada vez que olhar para o céu
............Sonhar com o teu olhar.

Isabel Morais Ribeiro Fonseca