quarta-feira, 29 de março de 2017

AMOR ENSINA-ME

AMOR ENSINA-ME

Ensina-me amor a ver ...
A magia dos teus belos olhos
Ensina-me amor a sentir....
A saliva doce da tua boca
Ensina-me amor a ter
O teu sangue quente no meu corpo
Ensina-me amor a ler...
O feitiço das tuas luas cheias
Ensina-me amor a combinação
Das tuas mãos nos meus quadris
Ensina-me amor a escutar
O gemido do teu suspiro no meu ouvido
Ensina-me amor a sentir
O tremor profundo do teu corpo no meu
Ensina-me amor a sentir
A loucura da tua língua com a cumplicidade da minha
Ensina-me amor a ter, a sentir
A pressão do teu corpo amarrado
Numa plenitude carnal num grito do universo.

Isabel Morais Ribeiro Fonseca



domingo, 26 de março de 2017

FANTASMA

 
FANTASMA

Sou uma pobre alma perdida
Que vive cercada de fantasmas
Sem sentimento, alma ou visão
Perturbam o meu pobre corpo

Quase desossam a minha carne
Espectro solto do meu declínio
De um fado incompleto, incerto
Sinto-me só, uma flor no deserto


Onde a minha alma vai padecendo
Sem água, sem sol, sem brilho
Cercadas de sombras boas, mas
Durmo sem dormir, sem despertar

Forjo tentando tirar esta dor no peito
E sarar todas as feridas flageladas
Tentando fugir de todos os fantasmas
Que me perseguem incansavelmente.

¯˜"*°••°"˜¯``
Isabel Morais Ribeiro Fonseca


quarta-feira, 22 de março de 2017

SENTIMENTO


SENTIMENTO

Não pude ocultar
As lágrimas que caíam dos meus olhos
Sentindo cada gota do meu sangue
Afogando na noite o escuro sombrio
Rememorando um amor intenso inesperado
Que nasceu no meu peito de repente
Do meu quente corpo junto ao teu
Neste meu jardim de pétalas soltas pelo vento
Em forma de asas do tempo que é só nosso
Já não sou eu quem te ama mas sim o meu espectro
Morreu o meu corpo e a minha alma falece como uma flor seca
Sem sentimento ou dor, o meu coração já partiu
E quem o matou foram as rosas escondidas entre as camélias
Mas quem o salvou foi a lua cheia, luar que visitava o teu o meu jardim.



 🍃🌺🍃🍃🌺🍃¯˜"*°••°"˜¯``🍃🌺🍃🍃🌺🍃







🍃🌺🍃🍃🌺🍃¯˜"*°••°"˜¯``🍃🌺🍃🍃🌺🍃


Isabel Morais Ribeiro Fonseca