sábado, 28 de setembro de 2013

"CHUVA NO TELHADO"

"CHUVA NO TELHADO"

Cai a chuva no telhado
Chuva fria, que cai sem culpa
Gotas que passam, sem deixar marcas
Molham a terra, molham as flores
Deste jardim encantado
Incerteza de um belo dia
Abençoado pelo amor
Essa chuva miudinha
Faz um sorriso de alegria
Quando a noite chegar
Não conseguirei ver as estrelas
Bate a chuva na janela
Queria dormir com ela aberta
Chuva fria deste outono
Talvez volte amanhã, molhe o meu coração com muita alegria.

Isabel Morais Ribeiro Fonseca