quarta-feira, 25 de abril de 2018

❤•´ *`•.❤ O MEU SILÊNCIO




O MEU SILÊNCIO

O meu silêncio grita de dor
Seca ferozmente a minha voz
Nada ficou deste poema já seco
Agora vivo afogada de lágrimas
Pois tu deixaste tanto em mim
E as palavras já não têm sentido
Nas letras que tiveram vida em mim
É um desassossego, é tecer no escuro
Nos desabafos entre as páginas soltas
De um velho livro, num poema para ti
No desejo forte de me encontrar
Nos teus braços, perto do teu coração.

Isabel Morais Ribeiro Fonseca
❤•´ *`•.❤