terça-feira, 3 de dezembro de 2013

"TEMPO NOSSO"

 "TEMPO NOSSO"

Sou o tempo que foge
Sou uma carta rasgada que nunca foi ou será lida
Das promessas feitas
Vazias que chegam nas entregas
De dores de alegria ou as lágrimas de esperança
Perdidas na correria de um rio
Que desce entre as fragas
Chega o navio do mar onde vai atracar no cais
As saudades do beijo doce como o mel de amor
Sou quem agarra e ama cada segundo da vida
Sou eu que dou asas para a minha alma voar
Não sou um livro velho que ninguém quer ler
Sou o tempo que foge para não chorar
Sou mãe, sou filha, sou mulher, bem casada,
Tenho uns filhos lindos
Como as mais belas estrelas brilhantes
Os meus meninos e meninas
São a razão da minha vida
Sou feliz porque os amo muito
Meu amor que grande família que criámos
Cinco raparigas e três rapazes uma bela família
Que Deus nos abençoe, nos guarde e proteja.!

MariaIsabelMoraisRF.