segunda-feira, 8 de julho de 2013

SAL DOCE

SAL DOCE

O sal dos teus lábios
Seria doce se estivesse juntos com os meus
Se nas tuas águas eu chorasse
Sentiria-me nos teus braços
O movimento e a suavidade das ondas
Como uma tempestade de verão
Quero sonhar e banhar-me nas tuas águas
E sentir a areia no meu corpo, como o sal da tua boca.

Isabel Morais Ribeiro Fonseca